8 de ago de 2010

(Imagem: Filipe Costa)

Um dia sou multidão; no outro sou solidão. Não quero ser multidão todo dia. Num dia experimento o frescor da amizade; no outro a febre que me faz querer ser só. Eu sou assim. Sem culpas.

(Pe Fábio de Melo)

Um comentário:

  1. Tem dias que queremos estar cercado de pessoas, mas tem dias que queremos mesmo é curtir mais o nosso eu...
    Me indentifico com essa frase...
    quero te desejar uma otima semaninha Felipe!
    Um beijo com amor

    ResponderExcluir